Para diminuir o impacto financeiro causado pela pandemia do coronavírus que afetou algumas de suas frentes de receitas, o FC Barcelona busca renovar o quanto antes com dois dos seus principais patrocinadores. Segundo o espanhol Mundo Deportivo, o clube deseja ampliar por mais um ano os seus acordos com a Rakuten e a Beko, que terminam na próxima temporada.

No caso da empresa de comércio eletrônico japonesa, ela chegou ao Barcelona em 2016 a partir de um volumoso contrato de patrocínio máster de € 220 milhões. Segundo o Mundo Deportivo, a Rakuten tem interesse em seguir no espaço mais valiosos do uniforme culé, no entanto, busca reduzir o valor investido.

Já a Beko, que se tornou patrocinadora do Barça em 2014 e, posteriormente, ampliou sua relação para ser parceiro oficial do kit de treinamento do clube, também deseja renovar por mais uma temporada. À exemplo da Rakuten, a empresa de eletrônicos de origem turca também deseja reduzir o seu investimento (€ 19 milhões anuais).

Desta maneira, diante do cenário de incertezas causado pela pandemia, aliado ao desejo das marcas de renovar por valores menores, o Barcelona ainda não deve alcançar sua meta de receita de € 1.05 bilhão para a temporada 2019/20.

O post Principais patrocinadores do Barcelona desejam reduzir investimentos apareceu primeiro em MKT Esportivo.